Babá de Madeleine McCann quebra silêncio de 10 anos e fala sobre o caso

301 Moved Permanently

301 Moved Permanently


nginx

A linda garotinha, Madeleine McCann, desapareceu em maio de 2007 enquanto dormia em um hotel onde a família passava férias. Sua babá resolve quebrar o silêncio após 10 anos do ocorrido e fala sobre aquela noite.

Foto/Reprodução

Essa babá era funcionária do resort e diz não esquecer até hoje o desespero dos pais procurando por Madeleine. A babá não teve sua identidade revelada, mas disse que o pai da garotinha consolava a mãe, que gritava e chorava dizendo:- eles a levaram.

Disse também, a babá, que um hóspede falou que havia um casal desesperado procurando por sua filha, mas ela jamais imaginou que seria Maddie, como era carinhosamente chamada. Pouco tempo após, viu a mãe da garotinha chorando muito, pessoas consolando-a e Garry, o pai da criança, procurando embaixo dos carros. Afirmou que Kate MacCann, andava de um lado ao outro,chorando muito, sem acreditar no que estava acontecendo. A babá diz que apenas viu o pai procurara debaixo dos carros e só e que essas imagens não saem de sua cabeça até hoje.

Lembra também que Kate ficou extremamente irritada como fato de a polícia só aparecer no local depois de 90 minutos de ser acionada. Segundo a babá, o resort não era de plena segurança eque todas as babás deveriam andar sempre comum alarme contra estupro e para evitarem sair sozinhas. Ressaltou que seu superior disse categoricamente para usarem o apito e nunca, jamais, andarem só por qualquer espaço do hotel.

Um ano antes do ocorrido com Madeleine, ela diz que uma criança foi atacada no resort, na praia da Luz e que pelo que via e ouvia, não considerava o hotel seguro para ninguém, muito menos para famílias. Ressalta que Maddie era uma garota meiga e doce.

No início deste ano, 2017, um investigador que por 3 anos procurou pistas de Maddie, afirmou que quem a levou, contou para alguém que a matou, mas que na verdade ela ainda possa estar viva. Para ele, o sequestrador da garotinha está sendo protegido por alguém. A Scotland Yard realizou várias buscas, onde o governo britânico gastou mais 85 mil libras esterlinas para pagá-los.


Gostou? então deixe seu like!